Chegou a hora de ter o veículo próprio: saiba como financiar uma moto usada sem riscos

Financiar uma moto usada é uma ótima opção para quem desejar uma motocicleta por um preço acessível

Ponta Grossa, 22 de julho de 2022, por Michele Azevedo ─ Saber como financiar uma moto usada é muito importante, principalmente quando se quer economizar.

Para isso, o Blog Guia do Ex-Negativado mostra uma lista com dicas do que fazer para garantir uma motocicleta com segurança. Acompanhe!
Aprenda como financiar uma moto usada
Para quem precisa adquirir uma moto, mas está com o orçamento curto, fazer um financiamento de uma moto usada é uma ótima alternativa. Além de trazer mais facilidade em se locomover no trânsito, possui um baixo custo em comparação ao carro.

Mas, para desfrutar dos benefícios de uma motocicleta, é preciso saber como financiar uma moto usada. Pode até parecer ser um péssimo negócio comprar uma moto usada, mas se você seguir as dicas que serão apresentadas a seguir você consegue adquirir uma moto de qualidade.

Então, você precisa ficar atento a alguns detalhes, como documentação, condições da moto e opções de entrada. Veja mais a seguir!
Documentos
É importante você saber que os documentos para realizar o financiamento de uma moto usada podem variar de acordo com cada empresa responsável pelo crédito. Mas, de modo geral, os documentos exigidos são: RG, CPF, comprovante de renda e de residência.

Além disso, se você quiser transferir a moto para o seu nome é preciso realizar em um prazo de até 30 dias após a compra da moto. Somente por meio dessa certidão de transferência que você conseguirá comprovar que o veículo é seu.
Cheque a documentação da moto
Como financiar uma moto usada Como financiar uma moto usada – Imagem: Pixabay

Outro ponto que você precisa ficar atento é em relação à documentação da moto. Por meio da documentação você vai saber se a moto já foi roubada ou se possui algum documento irregular.

Dessa maneira, os principais documentos que você precisa verificar para saber se estão em dia são: IPVA, DPVAT, certificado de registro e licenciamento do veículo e consulta ao cadastro de veículos roubados (CNVR).
Verifique as condições física da moto
Além de todos os pontos citados acima, não se esqueça de ver como está a aparência da moto. Sempre olhe se a moto possui arranhões e sinais de amassado na lataria. Como também, veja se não há algum tipo de desgaste nas pedaleiras e nos manetes.

Também verifique o alinhamento dos chassis, o estado do conjunto corrente-coroa-pinhão e por último faça uma avaliação completa com um mecânico que seja de sua confiança.
Veja as opções de entrada
Por fim, sobre como financiar uma moto usada, veja as opções de entrada. Dependendo do local em que você for fazer seu financiamento, a empresa pode ser que não solicite uma entrada, mas de modo geral a maioria solicita.

Por isso, se informe antes quanto que é e se prepare financeiramente. Agora que você já sabe tudo isso, está preparado para fazer o seu financiamento.

Comments
Loading...