Conheça ótimas dicas para fazer as flores durarem mais: especialmente para você que é apaixonado por elas

Salvador, 11 de junho de 2021, por Janaina Brito – As plantas são capazes de trazer vida e beleza a qualquer ambiente. Em arranjos, elas se encontram sempre lindas e prontas para completar um vaso. Contudo, fazer as flores durarem mais pode ser uma tarefa muito difícil. Isso porque, parece um destino inalterável que suas pétalas murchem.

Porém, com algumas dicas é possível aumentar a durabilidade de algumas plantinhas e garantir que elas continuem saudáveis por mais tempo. Confira, agora, no Agro Notícias, como fazer as flores durarem mais e aproveite ao máximo a beleza que elas proporcionam.

Continue lendo: Flor-dente-de-leão: tenha a delicadeza dessa flor em seu quintal

Flores durarem mais (Fonte: iStock) Flores durarem mais (Fonte: iStock)
Truques para as flores durarem mais
Pode ser complicado manter as flores vivas por muito tempo porque as condições pra isso são desfavoráveis em muitos aspectos. Elas costumam estar à mercê de bactérias e outros organismos invasores e, por isso, com o tempo, vão murchando ou amarelando. Mas, algumas dicas e cuidados podem retardar esse processo.
Vasos
Sempre transfira o seu buquê de flores para o vaso. De maneira intensa, não se recomenda deixá-lo no mesmo embrulho, visto que, aos poucos a planta vai ressecando e morrendo. Além disso, atente-se para a limpeza dos recipientes. Lave-os sempre com água e detergente antes de usar e entre as trocas de água. Além disso, dê preferência para os vasos de vidro, nos quais é possível ver a condição da água.
Água
Falando em água, esse é o principal cuidado a ser tomado para prolongar a vida das flores. Em primeiro lugar, não exagere no volume, dando preferência apenas a quantidade necessária para a sobrevivência da espécie. Geralmente, dois dedos de água bastam. Ao contrário disso, o excesso de umidade pode provocar o apodrecimento da extremidade inferior da planta.

Outrossim, a água deve ser trocada constantemente, para evitar a proliferação de bactérias no ambiente. Assim, você evita o contato das flores com resíduos, sujeiras e microrganismos que vão acelerar a morte delas. Ademais, não molhe as pétalas, pois isso pode causar mofo.
Agentes externos: sol e vento
Invista em ambientes bem ventilados que vão arejar as flores, mas, corra de ventanias e da exposição excessiva ao sol. Em ambos os casos, segundo a redação da revista Globo Rural, em 04 de maio de 2015, esses agentes podem queimar as flores e ressecar as suas estruturas.

Veja, também: Dicas de flores para os Dia dos Namorados: confira os significados dessas 5 espécies, e a deixe ainda mais apaixonada com sua explicação
Podas
As podas são fundamentais, principalmente em espécies como as rosas. Assim, corte meio centímetro a cada dois dias, na diagonal, com as ferramentas certas. Além disso, evite facas e utensílios comuns de cozinha que possam ferir e estimular a proliferação de bactérias. Com boas podas, as flores conseguirão absorver melhor a água, se mantendo frescas por mais tempo.
Evite o etileno
O gás etileno pode amarelar e acelerar o processo de morte das flores. Ele é liberado por ramos murchos e por determinadas frutas. Desse modo, se alguma flor murchou, separe-a o mais rápido possível do resto do ramalhete e deixe o seu buquê longe de maçãs, bananas e abacates.
Conservantes caseiros
Uma das melhores formas de aumentar a durabilidade das plantas é investir em conservantes. Nesse caso, você pode adquirir essas soluções em casas específicas e floriculturas ou, então, produzir em casa mesmo. Com o conservante em mãos, adicione à água das flores sempre que trocá-la.

De acordo com a redação do site Terra, em 22 de julho de 2020, uma dessas receitas consiste em misturar um litro de água, suco de meio limão, duas colheres de chá de açúcar e de vinagre branco. Caso prefira, você pode substituir os componentes ácidos por água sanitária também.

Viu como é possível fazer as flores durarem mais tempo? Aproveite pra presentear alguém especial com um buquê e compartilhe essas dicas.

Você também pode gostar: Conheça a flor bonequinha: tudo que precisa saber sobre essa bela e diferente espécie

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar ler mais